quarta-feira, 26 de abril de 2017

Hipertensão Arterial 




         
         Hipertensão ou pressão alta é uma doença que acomete grande parte da população independente da sua faixa etária, sexo, peso e condições econômicas, sendo que cerca de 60% da população brasileira com hipertensão é idosa. A doença está relacionada com a força que o sangue faz contra as paredes das artérias para assim circular por todo corpo. O estreitamento das artérias irá aumentar a necessidade do coração em bombear com mais força para assim impulsionar o sague e recebe-lo de volta, o que faz com que a hipertensão dilate o coração danificando as artérias.
Uma pessoa hipertensa é aquela que em repouso apresenta pressão arterial igual ou acima de 14 por 9 (140mmHg X 90mmHg). O grande agravante da doença se dá pelo fato que a pressão alta ataca os vasos, coração, rins e cérebro. Com tempo os vasos irão se tornar endurecidos e estreitos o que com o passar dos anos pode ocorrer o seu entupimento ou rompimento. Caso este entupimento ocorra em vasos do coração aumenta-se o risco de infarto e quando há entupimento ou rompimento de vasos do cérebro poderá ocorrer o  derrame cerebral ou AVC. Assim a hipertensão é responsável por 40% dos infartos, 80% dos derrames e 25% dos casos de insuficiência renal terminal.
A melhor forma de se evitar essas consequências da doença é através do tratamento adequado do controle da pressão e da adesão medicamentosa e dieta balanceada. Apesar de ser uma disfunção genética, a hipertensão pode ser gerada por hábitos de vida inadequados, como a ingestão excessiva de sal ou de bebida alcoólica, além da obesidade e do sedentarismo.


Qual é o valor ideal da pressão arterial?


   


















Quais são os sintomas?



      É importante monitorar a pressão, a doença pode ser silenciosa, não demonstrando sintoma algum. Quando se manifesta, os principais sintomas são:
  •          Sensação de zumbido nos ouvidos;
  •          Sangramento no nariz;
  •          Dor de cabeça ou dor na nuca;
  •          Visão embaçada;
  •          Fraqueza e tontura.



Qual o tratamento?


O tratamento é a base de medicamentos controladores, além da adoção de hábitos saudáveis.


Referencias 


http://www.sbh.org.br/geral/oque-e-hipertensao.asp
https://drauziovarella.com.br/doencas-e-sintomas/hipertensao/
http://www.hospitalviladaserra.com.br/dia-nacional-de-controle-e-prevencao-hipertensao-arterial/





terça-feira, 25 de abril de 2017



Dia mundial da Saúde


O dia mundial da saúde que foi criado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em 1948, onde a data 7 de abril só fora oficializado em 1950. Para a OMS a saúde é definida da seguinte forma: “saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.

Visando discussões sobre saúde todos os anos é dado um Tema ou Lema para as campanhas do dia mundial da saúde que neste ano de 2017 é “Depressão, Vamos Conversar”.

“Depressão,Vamos Conversar”

A definição de depressão de acordo com a OMS é um transtorno mental comum, que pode ser caracterizado de várias maneiras desde a perda de interesse, distúrbios do sono ou/e apetite, ausência de prazer, oscilações entre sentimento de culpa e baixa autoestima.
Esta doença quando inicial pode ser tratada somente com psicoterapia, exercícios etc, mas quando já está em um estado mais avançado é necessário a utilização de medicamentos que podem ser de várias classes como por exemplo inibidores seletivos de recaptação de serotonina, inibidores da MAO, tricíclicos e etc. 
A escolha do tratamento para esse paciente deve ser embasada nos aspectos biológicos, psicológicos e sociais. Com análise desses fatores será traçado o perfil do indivíduo que pode apresentar um perfil suicida ou não.

De acordo com uma matéria feita pelo o site da UOL , essa doença atinge hoje cerca de 7% da população mundial. O que é um dado preocupante por que atinge a sociedade como um todo. Portanto, para um tratamento de maior efetividade, familiares, amigos e profissionais devem ser envolver para alcançar a melhora destes indivíduos.


Referências: 

Souza; Fábio Gomes de Matos e. Tratamento da depressão. Rev. Bras. Psiquiatr. São Paulo vol.21. 1999

http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2014/12/1563458-depressao-ja-e-a-doenca-mais-incapacitante-afirma-a-oms.shtml

http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2014/12/1563458-depressao-ja-e-a-doenca-mais-incapacitante-afirma-a-oms.shtml

http://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5391:tema-do-dia-mundial-da-saude-de-2017-depressao-e-debatida-por-especialistas-em-evento-na-opasoms&Itemid=839

https://www.calendarr.com/brasil/dia-mundial-da-saude/

http://www.canal.fiocruz.br/destaque/index.php?id=722



terça-feira, 21 de março de 2017


VEM AÍ: V SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ATENÇÃO FARMACÊUTICA 




Temos a honra de convida - los pra o V Simpósio Internacional de Atenção Farmacêutica, que acontecerá na semana do dia 25 a 27 de maio, organizado pelo NAFAU - Núcleo de Atenção Farmacêutica da Unifal- MG, em Alfenas, nesta edição contaremos com a presença de diversos palestrantes de vários países. 
As inscrições já estão abertas pelo CAEX até dia 15 de maio e poderá ser parcelado em até 3 vezes. Entre em contato com (35) 3293-2273 para o parcelamento.
Atenção: Submissão de trabalhos científicos até dia 28 de abril.

Outra novidade é que este ano teremos alojamento para os estudantes, além da Hospedagem Solidária, para mais informações entre em contato com os membros do NAFAU ou com a Dra. Luciene Alves Moreira Marques. 





Para mais informações: 
http://www.unifalmg.edu.br/atencaofarmaceutica/




A Importância do exame periódico preventivo para o Tratamento precose de  Câncer do Colo do Útero e as Inovações em Tratamento de Lesões de baixo grau por pesquisadores da USP


(google imagens)
O câncer do colo do útero é a quarta maior causa de morte por câncer na população feminina no Brasil. Estima-se por ano 16.340 novos casos. E em 2013 foram registradas 5. 430 mortes. Apesar dos diagnósticos de câncer de colo de útero terem avançado muito, sendo que em 1990, 70% dos casos eram de canceres invasivos, ou seja, graves. Hoje em dia, cerca de 44% dos diagnósticos são de canceres in situ, ou seja, uma lesão precursora de câncer. O exame que analisa as modificações celulares que podem ocorrer em alguns casos de infecção por alguns tipos oncogênicos do Papilomavírus Humano (HPV), é chamado de preventivo (ou Papanicolau). A realização com frequência do preventivo (Papanicolau) é extremamente importante no diagnóstico precoce da doença, sendo possível a cura em quase todos os casos. Neste exame, é possível detectar as alterações celulares da fase assintomática, que antecede a doença.Com a evolução da mesma, o aparecimento de corrimento, dor e sangramento vaginal são frequentes. 
   

(Foto: Rodrigo Sargaço/ EPTV)
Uma inovadora técnica de tratamento de lesões pré-cancerígenas foi criada por cientistas e pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) de São Carlos. Essa técnica é capaz de tratar as lesões de maneira menos invasiva. É aplicado um creme na região genital, capaz de entrar nas células criando uma substância sensível à fótons de luz. Após a aplicação, uma luz em determinado comprimento de onda é introduzido na vagina durante 20 minutos, produzindo efeitos físicos e químicos que matam as células da lesão. Esse tratamento é realizado em lesões de baixo grau, e os resultados são tão promissores, que foi aprovado pela ANVISA, e o aparelho está sendo comercializado para esses tipos de lesões.


quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Dia Mundial de Luta Contra a AIDS




O dia 1 de dezembro é considerado o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS, essa data tem o objetivo de reforçar a solidariedade, a tolerância, a compaixão e a compreensão com as pessoas infectadas pelo HIV/AIDS. O símbolo deste dia é o laço vermelho o qual simboliza a solidariedade e comprometimento na luta contra a AIDS.
Esse dia para a Organização Mundial de Saúde é uma data para conscientização da população sobre a pandemia de AIDS. O objetivo é motivar as pessoas que são soropositivas, mas que não iniciou o tratamento ou aquela que interrompeu o tratamento, a iniciar ou retornar o uso dos antirretrovirais.
O Ministério da Saúde estima que 734 mil brasileiros vivem com o HIV, sendo que 417 mil pessoas usam os medicamentos antirretrovirais ofertados pela rede pública.  E cerca de 150 mil pessoas convivem com o vírus e não sabem.
Assim é importante cada um fazer a sua parte: previna-se, faça o teste, seja solidário com que tem o HIV, caso você já tenha o HIV cuide-se, tome os medicamentos corretamente, use sempre camisinha e proteja seu parceiro do HIV diminuindo a carga viral.

Mas para quem não sabe o que é AIDS?

Também chamada de Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, ela é um estágio mais avançado da doença que ataca o sistema imunológico a qual é causada pelo vírus HIV. Esse vírus ataca as células de defesa no nosso corpo, o que torna o organismo mais vulnerável a diversas doenças, de um simples resfriado a infecções mais graves.
A forma de saber se você é soropositivo é através da realização de exames como o teste rápido o qual divulga em 30 minutos o resultado, pois permite a detecção de anticorpos anti-HIV na amostra de sangue.
Vale sempre lembrar que a melhor forma de se prevenir é através do uso de camisinha ou preservativo nas relações sexuais, usar objetos perfuro-cortantes descartáveis, mulheres grávidas devem realizar o exame assim que descobrem a gravidez, pois em caso de positivo é realizado tratamento o qual tem o objetivo de evitar a transmissão do vírus para o feto.

Fontes: 
http://www.dst.uff.br/arquivos-htm/bemfam.htm
http://www.aids.gov.br/noticia/2015/vamos-todos-divulgar-o-laco-vermelho-em-dezembro
http://www.aids.gov.br/

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Poluição: causa principal das doenças respiratórias


   A poluição atmosférica encontra-se sempre presente ao longo dos últimos 250 anos, desde a Revolução Industrial que acelerou o processo de emissão de poluentes, nos dias de hoje, cerca de 50% da população mundial vive em cidades e aglomerados urbanos e estão expostas a níveis progressivamente maiores de poluentes do ar.  Aos poluentes emitidos por diferentes fontes dá-se o crédito do aumentos dos sintomas de doenças, da procura por atendimentos em serviços de emergência e do maior número de internações e de óbitos. A exposição recorrente tem contribuído para o aumento do número de casos novos de asma, de doença pulmonar obstrutiva crônica e de câncer de pulmão, nas áreas urbanas e também nas áreas rurais, fazendo com que os poluentes atmosféricos sejam rivais da fumaça do tabaco no papel de fator de risco para doenças pulmonares.
Segundo dados da Organização Mundial de Saúde doenças respiratórias representam hoje a terceira causa de morte no mundo, o que é de fato preocupante. De acordo com a Doutora Maura Neves médica otorrinolaringologista do Hospital Universitário da USP essas doenças são em sua maioria agravadas pelo tempo seco e pela poluição atmosférica. Dados apontam que 40 cidades do Brasil estão entre as 1.600 listadas pela OMS que ultrapassam o limite de poluição recomendado pela Organização que é de 50 microgramas de partículas por metro cúbico de ar por dia.
   Os estados brasileiros mais afetados pela poluição são: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Espírito Santo e Bahia. Os especialistas indicam como método para minimizar os problemas causados hidratação diária das mucosas, isso pode diminuir consideravelmente as chance de desenvolver doenças respiratórias. Segundo a Dra. Maura a mucosa nasal é a primeira barreira contra agentes nocivos que inalamos e a defesa exercida por ela é dependente do grau de hidratação, e afirma que o uso de hidratante nasal pode ajudar na prevenção de gripes, resfriados, renites e sangramento, seu uso é recomentado pelo menos 3 vezes ao dia ou pode varias de acordo com a necessidade.
   Recomenda-se hidratantes que contenham álcool na formulação, e a otorrinolaringologista indica a utilização de hidratantes nasais a base de Ringer Lactato cuja composição mais se aproxima da concentração de sais da mucosa nasal sendo a mais fisiológica para o nariz, ela tem alto poder hidratante e proporciona conforto nasal sem ardência. 

   De acordo com o portal da ANVISA a solução de Ringer com Lactato é composta de cloreto de sódio, cloreto de cálcio, cloreto de potássio e lactato de sódio, diluídos em água para injeção. E exceto pela presença de lactato e pela ausência de bicarbonato, a composição dessa solução aproxima-se muito da composição dos líquidos extracelulares.


Fontes: 
http://www.guiadafarmacia.com.br/  
http://portal.anvisa.gov.br/ 
http://www.producao.usp.br/bitstream/handle/BDPI/40293/S1806-37132012000500015.pdf?sequence=1 

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Novembro Azul, conscientizar salva vidas!



Novembro Azul, conscientizar salva vidas!



O mês de novembro é dedicado ao cuidado da saúde do Homem, uma vez que estes são velhos negligentes já conhecidos. Especificamente dia 17 de novembro é o dia mundial de combate contra o câncer de próstata por isso o mês se tornou um período de luta para o combate dessa doença que quando diagnóstica a tempo se tem grandes chances de cura.
A próstata é uma glândula masculina, que se encontra abaixo da bexiga, e envolve a uretra, por isso um dos principais sintomas do câncer é a dificuldade de urinar.
Existem dois exames indicados que avaliam o estado da próstata que são: o PSA (antígeno prostático específico), onde se procura dosar uma proteína que a próstata produz, e que quando esta aumenta indica alteração prostática; e o toque retal, no qual através de palpação o médico percebe alteração de tamanho da glândula.
O toque retal é um exame importante para o diagnóstico e o exame de sangue não o substitui. Só que há uma barreira psicológica muito grande nos homens em geral, devido à idéia de que o exame fere a masculinidade. Dessa forma o principal objetivo é conscientizar a população em geral do exame e da importância do exame.
É indicado que todo homem a partir dos 45 anos de idade faça anualmente os exames, principalmente se este possui na família pessoas que tiveram a  doença.
O tratamento vai depender do estágio em que o tumor se encontra, e pode compreender radioterapia, cirurgia ou tratamento hormonal. É importante lembrar que todo o tratamento é disponibilizado pelo SUS.
Nesse mês o NAFAU se veste de azul, e se compromete com a disseminação de informações sobre a Saúde do Homem como um todo, principalmente olhando para o câncer de próstata como um desafio de quebrar os preconceitos existentes na sociedade!
CUIDAR DA SAÚDE TAMBÉM É COISA DE HOMEM!


Referencias: